Requeijão de Corte – Atalaia – 500g (aprox.)

R$49,90

Fora de estoque

Como é este queijo?

Atributos do delicioso Requeijão de Corte – Atalaia – 500g (aprox.).

Descrição

Conheça o Requeijão de Corte da Atalaia

O Requeijão de Corte da Fazenda Atalaia é feito com leite de vaca.

Sua textura é macia e de super fácil manuseio devido a fusão da massa de queijo com creme de leite, mais leite e sais. O resultado é incrível e delicioso.

No paladar o Requeijão de Corte é suave e pode até ser comido em natura ou ser derretido para receitas.

Sua validade é de cerca de 45 dias e é apresentado em peças de 500g, na medida certa para a fome sua e de sua família.

Como armazenar o Requeijão de Corte?

O requeijão de corte é um produto de fácil armazenamento e pode ser guardado até na manteigueira para ser consumido na hora que você desejar.

Indicamos, caso vá guardar por períodos mais longos, embalar em papel filme plástico (Magipack, por exemplo) retirando todo o ar e refrigerando em temperatura mais amenas (na área de legumes da geladeira).

Como consumir o Requeijão de Corte?

O requeijão de corte é um produto versátil e pode ser consumido doce ou salgado, de acordo com sua preferência no momento.

Para receitas salgadas ele pode ser usado em pizzas, lanches e derretido na chapa já que ele tem ótimo derretimento e fica ótimo quentinho.

Para receitas doces nosso prato preferido é o Romeu e Julieta, vai por mim fica uma loucura. Experimente nossa goiabada cascão ou nossa goiabada cremosa que combina perfeitamente com o Requeijão de Corte.

Aqui a criatividade ajuda muito! Seja criativo e use o requeijão de corte em centenas de receitas na sua casa.

A história do Requeijão de Corte

Muito comum no nordeste o requeijão de corte surgiu antes da sua versão cremosa e até hoje é produzido por meios artesanais.

Ele é produzido por meio de leite de vaca integral coalhada, dessorado e cozido, com acréscimo de nata ou creme de leite,

Para se obter o ponto é necessário ter atenção ao cozimento pois quanto mais tempo passa na panela mais escuro vai ficando, podendo então ser chamado também de requeijão preto ou crioulo.

Acredita-se que o requeijão da roça originalmente vem de Portugal mas ganhou realmente o formato atual em Minas Gerais, em Poços de Caldas, como utilização do subproduto do leite desnatado para uso em condimentos.

Que bom que deu certo né!? Um belo pedaço de requeijão é que precisamos para hoje!

Par conhecer mais a história do requeijão de corte acesse esse link.

Onde é produzido o Requeijão de Corte?

Localizada a 140km da Capital de São Paulo, em Amparo, a fazenda Atalaia tem mais de 140 anos de história. A propriedade, que pertenceu a Pedro Penteado (presidente do Banco Industrial de Amparo), é datada de 1870 e é um exemplar de cultura, história e arquitetura da época.

As tentativas de usar o espaço para produção de Café foram frustradas com a crise de financeira de 1929, favorecendo o estabelecimento e busca de novos meios de sobrevivência. Em 1940, a propriedade passar a ser administrada pela família Matta, de origem libanesa, que chegou ao Brasil em 1908.

A produção de queijo, hoje a principal ocupação da fazenda, iniciou de modo informal há mais de 20 anos atrás, tocada pelas mãos do casal de mestre-queijeiros Rosana e Paulo Rezende. Com a gestão do casal, a fazenda centenária, passou por uma ressignificação do seu espaço, antigos lugares voltaram à vida para a produção de queijo, turismo rural e educação patrimonial.

O resultado deste esforço é que em 2016 a Fazenda Atalaia criou o primeiro queijo brasileiro premiado com uma medalha de Ouro no World Cheese Awards, evento realizado na Espanha.

A Fazenda Atalaia ajudou a botar São Paulo de volta no roteiro dos melhores queijos do Brasil. Com diversos sabores, dos mais intensos aos mais suaves, cada queijo e produto são uma sensação indescritível. Venha experimentar.

Para conhecer todos os produtos da Atalaia, acesse o link.