Larentis

LarentisVale do Vinho – RS

Larentis

Vale dos Vinhedos – RS

Degustar um vinho elaborado sob os cuidados de uma tradicional família do setor vitivinícola em cada etapa: é essa a experiência que o consumidor terá toda vez que abrir uma garrafa dos Vinhos Larentis.

Aromas, sabores e sensações se unem pela história de uma vinícola cuja tradição começou ainda em 1876, quando Arcangelo Gabriele Larentis, aos 19 anos, deixou a região do Trento, na Itália, para vir ao Brasil. Foi em terras brasileiras que a família Larentis se tornou uma das primeiras a cultivar as variedades Chardonnay e Cabernet Sauvignon no final da década de 70, e Merlot em Espaldeira no final da década de 80 na região dos FAMÍLIA LARENTIS vinhedos.

Naquela época, a produção era destinada a outras vinícolas. Com gerações cuja paixão pelo vinho moveu trajetórias de vida, não é de se duvidar que a família Larentis atingiria o seu principal sonho: uma vinícola própria, elaborando bebidas nas quais a identidade ecoa nas taças valorizando a qualidade e o cuidado com a produção.

Tradição

Gerações de uma mesma família movidas pela paixão pelo vinho.

Pionerismo

No cultivo das variedades Chardonnay e Cabernet Sauvignon no Brasil.

Região

Vale dos Vinhedos – RS

A região singular do Vale dos Vinhedos tem sua origem em 1870 com a imigração de famílias italianas da região da Lombardia para Dona Isabel (atual Bento Gonçalves) e Conde D`Eu (atual Garibaldi), a Família Larentis faz parte da origem desta colonização e das primeiras produções de vinhos no Brasil com a aquisição do Lote 25 por Archangelo Larentis no período de 1877 á 1896.

Em 2002 a microrregião do Vale dos Vinhedos foi reconhecida internacionalmente como Indicação Geográfica, podendo conceder aos vinhos produzidos em seu solo que estivessem dentro dos padrões estabelecidos pela Aprovale com o selo de Indicação de Procedência (IP). A partir de 2012 a região teve reconhecimento com Denominação de Origem (DO) e para os produtos ostentarem esta classificação eles devem obedecer a regras mais específicas em relação à produção da uva e à elaboração do vinho.

A primeira região do país a ser oficialmente reconhecida como Indicação Geográfica, o Vale dos Vinhedos traz em si características únicas de solo, clima e topografia que, somados à cultura local, resultam em uma região ímpar no mundo sendo hoje reconhecida mundialmente pela excelente qualidade dos vinhos e características únicas.