Ganhe uma Manteiga com Sal Atalaia em compras acima de R$ 300,00.

Queijo Port Salut – Atalaia – 220g – LAMEHADRIN (LISTA VERDE) CHALAV ISRAEL

(6 avaliações de clientes)

R$ 39,90

Em estoque

Acrescentar Opções
1 × Doce de Leite Cremoso (Kosher)- Atalaia – 600g – LAMEHADRIN (LISTA VERDE) CHALAV ISRAEL

Em estoque

R$ 58,00
Doce de Leite Cremoso - Atalaia 1
1 × Doce de Leite Cremoso (Kosher)- Atalaia – 300g – LAMEHADRIN (LISTA VERDE) CHALAV ISRAEL

Em estoque

R$ 45,00
SKU: 1.1.000637.01 Categoria: Tag:

PRODUTO KOSHER LAMEHADRIN (LISTA VERDE) CHALAV ISRAEL. CERTIFICADO PELA BDK.

Somente com o selo de supervisão chalav israel

Conheça a Queijo Port Salut da Atalaia

Apresentamos o novo lançamento da Fazenda Atalaia, o exclusivo Queijo Port Salut, disponível apenas na A Casa do Produtor. Este produto é verdadeiramente único e extremamente raro.

O Queijo Port Salut é uma iguaria semipasto, produzida a partir do leite de vaca pasteurizado, originária da pitoresca região de Pays de la Loire, na França. Possui uma casca característica de cor laranja e um sabor suave e envolvente. Cada roda deste queijo possui aproximadamente 23 cm de diâmetro e pesa cerca de 2 kg.

Apesar do seu sabor delicado, o Port Salut pode apresentar um aroma mais intenso devido ao seu processo de maturação. Esse aroma se intensifica com o tempo, mas não interfere em seu sabor excepcional. Pode ser armazenado na geladeira e é ideal consumi-lo dentro de duas semanas após a abertura.

A história deste queijo remonta ao século XIX, quando foi desenvolvido por monges trapistas na Abadia de Port-du-Salut, em Entrammes. Esses monges, que haviam deixado a França durante a Revolução de 1789, adquiriram habilidades na produção de queijos para se sustentarem no exterior e, ao retornarem após a Restauração Bourbon, trouxeram consigo esse precioso conhecimento. O nome de sua sociedade, “Société Anonyme des Fermiers Réunis” (S.A.F.R.), tornou-se a marca registrada do queijo Port Salut, ainda presente nas rodas produzidas.

Em 1873, o líder da abadia fez um acordo com um renomado vendedor de queijos parisiense, concedendo direitos exclusivos de distribuição, e as compras deste queijo começaram a crescer rapidamente. A abadia buscou proteção comercial e, eventualmente, vendeu os direitos à renomada Bel Group em 1950. Atualmente, o queijo é produzido em uma moderna fábrica, e a característica casca lisa é resultado de uma embalagem revestida com plástico. Quando a casca é feita de cera, pode ser consumida, porém, pode alterar ligeiramente o sabor do queijo.

A tradição de produzir o Queijo Port Salut artesanal, também conhecido como queijo “Entrammes”, perdura até hoje em diversos mosteiros nas zonas rurais da França. Destacamos a Fazenda Atalaia em Amparo, que imprime suas próprias nuances a este queijo excepcional. Adquira já essa experiência única, disponível exclusivamente na A Casa do Produtor.

O Queijo Port Salut tem cerca de 220g.

Como consumir seu Queijo Port Salut?

O Queijo Port Salut oferece uma versatilidade única que se presta a diversas harmonizações deliciosas com vinhos, cervejas e outros queijos. Aqui estão algumas sugestões para aproveitar ao máximo esta iguaria:

  1. Harmonização com Vinhos:
    • Vinho Tinto Leve: Um Pinot Noir jovem e frutado ou um Beaujolais são excelentes escolhas. A leveza e acidez desses vinhos complementam perfeitamente a suavidade do Port Salut.
    • Vinho Branco Seco: Opte por um Chardonnay não carvalhado ou um Sauvignon Blanc. A acidez refrescante desses vinhos equilibra o sabor cremoso do queijo.
    • Vinho Espumante: Um espumante brut ou extra brut, como um Champagne ou um Cava, cria uma harmonização elegante. As borbulhas e a acidez cortam a textura cremosa do queijo.
  2. Harmonização com Cervejas:
    • Ale Clara: Uma cerveja tipo Blonde Ale oferece um equilíbrio agradável entre malte e lúpulo, e suas notas frutadas complementam o Port Salut.
    • Saison: Esta cerveja de estilo belga com notas picantes e cítricas pode realçar os sabores suaves do queijo.
    • Cerveja de Trigo: Uma Witbier ou Weissbier trazem um toque cítrico e refrescante que contrasta de forma interessante com a cremosidade do Port Salut.
  3. Harmonização com Outros Queijos:
    • Brie: Ambos o Brie e o Port Salut são queijos cremosos e suaves, criando uma combinação irresistível.
    • Camembert: Assim como o Brie, o Camembert complementa o Port Salut com sua textura e sabor similares.
    • Gruyère: Um queijo suíço mais firme e com sabor mais pronunciado, o Gruyère oferece um contraste interessante ao Port Salut.
  4. Acompanhamentos:
    • Frutas Frescas: Pêras, maçãs e uvas são ótimas opções. A doçura natural das frutas complementa o queijo de forma encantadora.
    • Geleias e Chutneys: Geleias de figo, damasco ou chutneys de frutas cítricas trazem um contraste agridoce que realça os sabores do Port Salut.

Lembre-se de que o melhor emparelhamento é aquele que agrada ao seu paladar pessoal, então não hesite em experimentar e descobrir suas próprias combinações preferidas!

Como armazenar seu Queijo?

Para armazenar o Queijo Port Salut e preservar seu sabor e textura de forma ideal, siga estas orientações:

  1. Embrulhe Adequadamente: Após abrir o queijo, envolva-o em papel alumínio ou filme plástico. Certifique-se de selar bem para evitar a entrada de ar e a perda de umidade.
  2. Refrigeração: O Port Salut deve ser armazenado na geladeira, preferencialmente na gaveta de vegetais, onde a umidade é mais estável. Mantenha-o longe de alimentos com odores fortes, para evitar absorção de sabores indesejados.
  3. Evite o Congelamento: Não é recomendado congelar o Port Salut, pois isso pode alterar sua textura e sabor.
  4. Mantenha-o Isolado: Se possível, coloque o queijo em um recipiente ou saco de armazenamento hermético para evitar a contaminação por outros alimentos.
  5. Aproveite em Tempo Hábil: O Queijo Port Salut é melhor consumido dentro de duas semanas após ser aberto. O sabor e a textura podem começar a se deteriorar após esse período.

Lembrando sempre que o queijo é um produto perecível, e manter sua frescura é essencial para desfrutar da melhor experiência gastronômica. Portanto, siga as orientações de armazenamento e desfrute do Queijo Port Salut no seu auge de sabor e textura.

logo - atalaia - acap
Amparo – SP

Localizada a 140km da Capital de São Paulo, em Amparo, a fazenda Atalaia tem mais de 140 anos de história. A propriedade, que pertenceu a Pedro Penteado (presidente do Banco Industrial de Amparo), é datada de 1870 e é um exemplar de cultura, história e arquitetura da época.

As tentativas de usar o espaço para produção de Café foram frustradas com a crise de financeira de 1929, favorecendo o estabelecimento e busca de novos meios de sobrevivência. Em 1940, a propriedade passar a ser administrada pela família Matta, de origem libanesa, que chegou ao Brasil em 1908.

A produção de queijo, hoje a principal ocupação da fazenda, iniciou de modo informal há mais de 20 anos, tocada pelas mãos do casal de mestre-queijeiros Rosana e Paulo Rezende. Com a gestão do casal, a fazenda centenária passou por uma ressignificação do seu espaço, antigos lugares voltaram à vida para a produção de queijo, turismo rural e educação patrimonial.

O resultado deste esforço é que em 2016 a Fazenda Atalaia criou o primeiro queijo brasileiro premiado com uma medalha de Ouro no World Cheese Awards, evento realizado na Espanha. 

A Fazenda Atalaia ajudou a botar São Paulo de volta no roteiro dos melhores queijos do Brasil. Com diversos sabores, dos mais intensos aos mais suaves, cada queijo e produto proporcional uma sensação indescritível. Venha experimentar.

produtor - atalaia - acap
foto-regiao-interior_paulista
São Paulo

A região do interior paulista, em contraponto a outros estados brasileiros que seguem a tradição à risca, reproduzindo modos de preparo seculares e já reconhecidos oficialmente, a produção queijeira paulista aposta na inovação, com o desenvolvimento de novas receitas, possibilitando a existência de mais de 100 tipos de queijos.

Há queijos de vaca, búfala, cabra, ovelha e mistos, em variedades frescas ou curadas. Com esta variedade de produtos artesanais, a região é uma das mais representativas do país e deve ser considerada como tal. A valorização da liberdade criativa, possibilitando criação de novas variedades e estilos, respeitam os limites da sustentabilidade econômica, ambiental e social.

Produto Indicado Por

Este produto ainda não foi avaliado por um Especialista.

6 avaliações para Queijo Port Salut – Atalaia – 220g – LAMEHADRIN (LISTA VERDE) CHALAV ISRAEL

  1. Jose Cytrynbaum (comprador verificado)

    Muito bom mesmo

    (0) (0)
  2. Roberto Guttmann (comprador verificado)

    nao gostei do queijo. nao compara com o gouda mencionado.

    (0) (0)
  3. Francis Grossmann (comprador verificado)

    (0) (0)
  4. Anônimo (comprador verificado)

    (0) (0)
  5. Gabriel S. (comprador verificado)

    (0) (0)
  6. Giselle Barzilai (comprador verificado)

    (0) (0)
Adicionar uma avaliação

Receba novidades por e-mail