Queijo Parmesão – Serra das Antas – 450g (aprox.)

(5 avaliações de clientes)

R$ 97,90

Em estoque

Acrescentar Opções
Vinho Larentis Tinto Merlot Reserva 2020
1 × Vinho Larentis Tinto Merlot Reserva 2020 – 750ml

Em estoque

R$ 109,00
Mel Puro Cremoso - Casa Roncador
1 × Mel Puro Cremoso – Casa Roncador – 240g

Em estoque

R$ 51,70
Textura:
Duro
Maturação:
Extra longa (10+ meses)
Tipo:
Parmesão
Intensidade:
Média

Conheça o delicioso queijo Parmesão da Serra das Antas

De origem italiana, o Parmesão é um queijo de leite de vaca muito produzido nas províncias de Parma, Régio da Emília, Módena, Bolonha e Mântua, maturado por no mínimo 1 ano.

O Parmesão é um queijo duro de textura firme e densa, de cor de palha e com casca natural. É um queijo muito saboroso, possuindo um sabor que lembra nozes, um pouco frutado e forte, assim como um aroma forte e marcante.

O Parmesão Serra das Antas é um queijo grande e redondo, com aproximadamente 40cm de diâmetro, e pesando em torno de 16kg. Também é vendido em cunhas de 450g com validade de 90 dias (3 meses).

Assim como todos os queijos, o Parmesão deve ser conservado refrigerado em temperatura máxima de 8°C.

Alergênicos: Contém Leite.

Não Contém Glútem.

HISTÓRIA DO QUEIJO PARMESÃO

Assim como muitos outros alimentos, o Parmesão tem seu nome devido à sua região de origem. Foram os monges da região de Parma que começaram a produzir um queijo de casca dura distinto durante a idade média. Durante a Renascença, a própria nobreza estava produzindo este queijo para compor suas mesas.

No início do século 14, o queijo Parmesão já tinha viajado de sua região de origem de Parma-Reggio sobre as montanhas até a Toscana, onde navios partiam para outros portos no Mediterrâneo. O primeiro documento que faz refereância ao Parmesão data de 1254 documenta um acordo em que uma mulher nobre trocou sua casa por um suprimento anual de 24Kg deste queijo.

A história imortalizou o uso do Parmesão como um condimento para temperar massas através de um conto de Boccaccio sobre um local paradisíaco onde havia uma montanha de Parmesão de onde os cozinheiros rolavam macarrão para cobrí-los deste queijo.

Do século 17 ao 19, o nome Parmesão se tornou mais comum devido às estreitas relações entra as nobresas de Parma e da França, a partir da qual o termo se espalhou para outros países.

Clique no link a seguir para conhecer mais a história do queijo Parmesão.

Informação Nutricional do Queijo Parmesão

Para uma porção de Queijo Parmesão de 30g

Valor Energético: 130kcal 6%
Carboidratos: 0g 0%
Proteínas: 12g 15%
Gorduras Totais: 9,3g 17%
Gorduras Saturadas: 5,6g 26%
Gordura Trans: 0g
Fibra Alimentar: 0g 0%
Sódio: 327mg 14%
Cálcio: 360mg 36%

Quais os benefícios do Queijo Parmesão para a saúde?

O queijo Parmesão é uma boa fonte de cálcio, proteínas e gordura, e pode oferecer alguns benefícios para a saúde. Alguns dos benefícios do queijo Parmesão incluem:

  1. Fortalecimento dos ossos: O cálcio é essencial para a saúde dos ossos, e o queijo Parmesão é uma boa fonte desse mineral.
  2. Redução do risco de osteoporose: O cálcio e outros minerais presentes no queijo Parmesão podem ajudar a prevenir a perda óssea e reduzir o risco de osteoporose.
  3. Controle do peso: O queijo Parmesão é uma fonte de proteínas e gordura, que podem ajudar a saciar a fome e evitar o consumo excessivo de outros alimentos.
  4. Melhora do sistema imunológico: O queijo Parmesão contém vitamina A e vitamina B12, que podem ajudar a fortalecer o sistema imunológico.
  5. Melhora na digestão: O queijo Parmesão contém enzimas que podem ajudar a melhorar a digestão.

No entanto, é importante lembrar que o queijo Parmesão também é uma fonte de gordura saturada e sódio, então é importante consumi-lo com moderação e incluir outras fontes de cálcio na dieta.

Receitas Fáceis com Queijo Parmesão

Macarrão com queijo parmesão e bacon:

Ingredientes:
  • 1 pacote de macarrão (penne, fusilli, etc)
  • 6 fatias de bacon
  • 1/4 xícara de cebola picada
  • 2 dentes de alho picados
  • 1/2 xícara de leite
  • 1/2 xícara de creme de leite
  • 1/2 xícara de queijo parmesão ralado
  • Sal e pimenta a gosto
Instruções:
  1. Em uma panela grande, cozinhe o macarrão de acordo com as instruções da embalagem. Escorra e reserve.
  2. Em uma frigideira, aqueça o bacon em fogo médio até ficar crocante. Retire do fogo e coloque sobre papel toalha para absorver o excesso de gordura. Em seguida, corte em cubinhos.
  3. Em a mesma frigideira, adicione a cebola e alho e refogue até ficarem macios.
  4. Adicione o leite e creme de leite e mexa bem. Deixe ferver por 2 minutos.
  5. Adicione o queijo parmesão ralado e misture até o queijo derreter completamente.
  6. Adicione o macarrão cozido e o bacon picado e misture bem. Tempere com sal e pimenta a gosto.
  7. Sirva quente e decore com queijo parmesão ralado e folhas de manjericão fresco.

Crostini de queijo parmesão e tomate seco:

Ingredientes:
  • 1 pão italiano
  • 1/4 xícara de azeite
  • 1/4 xícara de tomates secos picados
  • 2 dentes de alho picados
  • 1/4 xícara de queijo parmesão ralado
  • Sal e pimenta a gosto
Instruções:
  1. Pré-aqueça o forno a 180°C.
  2. Corte o pão italiano em fatias finas e disponha-as em uma assadeira.
  3. Em uma tigela pequena, misture o azeite, tomates secos picados, alho picado, sal e pimenta.
  4. Espalhe a mistura sobre as fatias de pão.
  5. Polvilhe o queijo parmesão ralado sobre as fatias de pão.
  6. Leve ao forno por cerca de 10 minutos, ou até que as fatias de pão estejam crocantes e o queijo derretido.
  7. Sirva quente e decore com folhas de manjericão fresco.

Utilize produtos artesanais para atingir os melhores sabores e resultado!

A Diferença entre o Parmesão e outros queijos de massa dura

O Parmesão, Grana Padano, Pecorino Romano e o Reggiano são todos tipos de queijos italianos conhecidos por seu sabor forte e textura firme, mas existem algumas diferenças entre eles.

Parmesão: é um queijo duro, com sabor intenso e um aroma característico. Ele é produzido com leite de vaca, é curado por pelo menos 12 meses e é raspado antes de ser embalado. Ele é utilizado em muitas receitas culinárias e é também um excelente acompanhamento para vinhos.

Grana Padano: é um queijo duro, semelhante ao Parmesão, mas é produzido com leite parcialmente desnatado e curado por um período menor de tempo, cerca de 9 a 16 meses. Ele tem um sabor menos intenso e é menos caro que o Parmesão.

Pecorino Romano: é um queijo duro feito com leite de ovelha e curado por pelo menos 5 meses. Ele tem um sabor mais forte e salgado do que o Parmesão e é usado principalmente como ingrediente em receitas culinárias, como massas e risotos.

Reggiano: é um queijo duro semelhante ao Parmesão, mas é produzido com leite de vaca e curado por pelo menos 24 meses. Ele tem um sabor mais intenso e um aroma mais complexo do que o Parmesão e é geralmente usado ralado em receitas culinárias ou como acompanhamento para vinhos.

Em resumo, o Parmesão e o Grana Padano são similares, mas o Parmesão tem um sabor mais intenso e é curado por mais tempo. O Pecorino Romano é mais forte e salgado e é feito com leite de ovelha, e o Reggiano é produzido com leite de vaca e curado por mais tempo, tem um sabor mais complexo e é geralmente usado ralado. Cada um desses queijos tem suas próprias características e usos e pode ser usado de diferentes maneiras na culinária.

Degustação do Queijo Parmesão

A embalagem a vácuo é utilizada para estender ao máximo as características do queijo como sai das câmaras de maturação, evitando o ressecamento e o crescimento de alguns mofos naturais. O aparecimento de alguns mofos sob a embalagem não significa que o queijo esteja estragado, indica apenas que o vácuo não foi suficiente para inibir completamente o desenvolvimento destes, basta raspar estes mofos e consumir o queijo Parmesão normalmente. Esta embalagem não impede que ele mature e mude as suas características com o passar dos dias.

Tire-o da refrigeração e da embalagem uma hora antes de servi-lo, isto dará à massa do queijo Parmesão a consistência adequada e liberará os seus melhores sabores, facilitando o derretimento se for o caso.

Como harmonizar o Queijo Parmesão?

O Queijo Parmesão é conhecido por ser um queijo versátil e pode ser harmonizado com uma variedade de bebidas, comidas e outros queijos. Algumas sugestões incluem:

  1. Vinho: O Parmesão harmoniza muito bem com vinhos tintos secos e encorpados, como Barolo, Brunello di Montalcino e Chianti Classico. Também pode ser harmonizado com vinhos brancos secos e encorpados, como Chardonnay e Pinot Grigio.
  2. Cerveja: A cerveja escura, como a Stout e a Belgian Dubbel, harmoniza muito bem com o sabor intenso do Parmesão.
  3. Comida: O Parmesão é um excelente complemento para massas, risotos, sopa e saladas, e também é usado como ingrediente em muitas receitas culinárias. Ele também é um excelente acompanhamento para frutas secas e mel.
  4. Outros queijos: O Parmesão harmoniza muito bem com outros queijos duros, como o Tulha, o Araritaguaba e o Castanho. Ele também pode ser combinado com queijos macios, como o Gorgonzola e o Brie.

Conservação do Queijo Parmesão

Sempre o conserve o queijo Parmesão refrigerado (entre 3 e 10°C). Quanto mais alta a temperatura de conservação mais rápida e intensa será a maturação.

Para evitar ressecamento da casca, acomode-o em recipiente tampado. Isto também evitará que o queijo transfira ou receba aromas dos outros alimentos.

Ao abrir a embalagem procure conservar o papel parafinado para reembalá-lo se necessário, na impossibilidade disto, reembale-o em filme de PVC esticável. Recomenda-se consumi-lo em até sete dias depois de aberto, mas se bem embalado e refrigerado, certamente este prazo poderá ser estendido. Lembre-se que o queijo continuará maturando.

Só o congele em último caso, preferencialmente com o queijo já bem maturado. Depois de descongelado consuma-o completamente, certamente haverá mudança na consistência da massa. A conservação após o descongelamento não é boa.

Logo - Serra das Antas
Bueno Brandão/MG

O lacticínio Serra das Antas é uma das queijarias artesanais mais famosas do Brasil, com diversos tipos de queijos feitos com leite de vaca e de cabra que seguem receitas tradicionais francesas, italianas e autorais.

Com uma história e tradição de quase 40 anos, a Serra das Antas é o projeto de vida e sonho do Airton e sua família. Projeto que iniciou de tamanho pequeno e com o tempo, e muito trabalho, ganhou forma e fama, hoje os queijos produzidos por lá são considerados um dos melhores do Brasil e conquistaram dezenas de premiações nacionais e internacionais.

A história da queijaria Serra das Antas começa na cidade de Bueno Brandão, em Minas Gerais, no ano de 1983. O produtor Airton, com suas poucas cabras, vendia leite congelado para famílias e pessoas que eram alérgicas ao leite de vaca.

Com o aumento do seu rebanho, Airton decidiu investir na produção de queijos artesanais. Em 1997, com o aumento da procura por queijos semelhantes aos europeus, ele iniciou a produção de queijos de leite de vaca e assim nasceu a famosa marca Serra das Antas.

A Serra das Antas, conforme os anos se passaram, ganhou nome e foi reconhecida por sua qualidade. Como resultado, os seus queijos foram muito requisitados por chefs renomados, restaurantes e pontos de venda.

Hoje, a Serra das Antas conta com mais de 50 colaboradores e uma estrutura que é considerada uma das melhores do Brasil para a produção de queijos artesanais.

A Serra das Antas está localizada no Sítio Na Morada na cidade de Bueno Brandão, em Minas Gerais. Esta cidade fica perto da divisa dos estados de São Paulo e Minas Gerais, cerca de 3h30 da cidade de São Paulo.

A queijaria Serra das Antas é conhecida pela produção de queijos inspirados nas grandes receitas francesas e italianas. Estes queijos possuem um toque autoral do produtor e são considerados uns dos melhores do Brasil.

Hoje, são mais de 30 tipos de queijos com diferentes sabores, texturas e tempos de maturação. Nossa dica: prove cada um deles!

São diversos os queijos da Serra das Antas que são premiados. No mundial do queijo, 33º World Cheese Awards, realizado na Espanha, o lacticínio enviou 7 queijos dos quais 6 foram premiados.

Os queijos premiados neste mundial foram: tipo Reblochon (medalha de ouro), Lua Cheia (medalha de prata), Comté (medalha de prata), Vô Bastião (medalha de bronze), Parmesão (medalha de bronze) e Raclette (medalha de bronze).

Fora estes citados acima, um dos queijos mais procurados da Serra das Antas é o famoso Gorgonzola Cremoso, simplesmente delicioso.

Aqui na A Casa do Produtor você encontra o verdadeiro queijo artesanal da Serra das Antas. Para garantir que o produto sempre esteja fresco nós repomos nosso estoque 2 vezes por semana.

Além dos queijos da Serra das Antas, aqui você encontrará os melhores queijos artesanais e produtos artesanais do Brasil. Nós temos mais de 40 produtores parceiros e mais de 350 produtos cadastrados.

Venha já conhecer A Casa do Produtor!

Produtores - Serra das Antas - Airton
foto minas gerais
Minas Gerais

Quando falamos em produtos artesanais Minas Gerais sempre está em primeiro lugar.

A região é importantíssima para a agropecuária brasileira e é responsável pro grande da produção de produtos artesanais do Brasil. Com uma diversidade de climas e regiões, Minas Gerais produz desde o seu famoso queijo até azeites de altíssima qualidade premiados por todo o mundo.

Conheça Minas Gerais e todo seu potencial.

Produto Indicado Por

Este produto ainda não foi avaliado por um Especialista.

5 avaliações para Queijo Parmesão – Serra das Antas – 450g (aprox.)

  1. THOMAS (comprador verificado)

    (0) (0)
  2. FERNANDO N. (comprador verificado)

    (0) (0)
  3. Luciano Peixoto (comprador verificado)

    (0) (0)
  4. André B. (comprador verificado)

    Esse é sensacional, recomendo

    (0) (0)
  5. Teresa Angelis (comprador verificado)

    (0) (0)
Adicionar uma avaliação

Receba novidades por e-mail